BLOG INÍCIO MAIO/2012 - SIGA O BLOG DA ACADEMIA

15/03/16

ACADEMIA DE LETRAS JUVENAL GALENO - MEMBROS








ACADEMIA DE LETRAS JUVENAL GALENO - ALJUG 

Fundação: 28 de Setembro de 2013 

PRESIDENTE DE HONRA DA ALJUG: Antônio Santiago Galeno Júnior 

1ª PRESIDENTE DA ALJUG:  Eliane Maria Arruda da Silva Cadeira Nº 01 

ATUAL PRESIDENTE DA ALJUG BIÊNIO 2016/2018: Linda lemos Cadeira N° 24

Francisco de Assis C. Ferreira Cadeira Nº 02 
Joseleido Bonfim Santana Cadeira Nº 03 
Rosa Virgínia Carneiro de Castro Cadeira Nº 04 
Sylvia Helena Medeiros Brawn Cadeira Nº 05 
Francisco Bernivaldo Carneiro Cadeira Nº 06 
Sônia Maria Nogueira Cadeira Nº 07 
João Silas Falcão Soares Cadeira Nº 08 
Pedro Jorge Rodrigues Gomes Cadeira Nº 09 
Márcia Christina Lio Magalhães Cadeira Nº 10 
Francisco Giovanni Felismino Leite Cadeira Nº 11 
Antônio Arilo Cavalcante Jr. Cadeira Nº 12 
Oneida Pontes Pinheiro Milhome Cadeira Nº 13 
Francisco José Moreira Lopes Cadeira Nº 14 
Gilson de Albuquerque Pontes Cadeira Nº 15 
Paulo Tadeu Sampaio de Oliveira Cadeira Nº 16 
Maria do Socorro Cavalcanti Cadeira Nº 17 
Eduardo Luiz de Santana Cruz Cadeira Nº 18 
Maria Eliane da Silva Santos Cadeira Nº 19 
Paulo Antônio Ximenes Montenegro Cadeira Nº 20 
Clara Leda de Andrade Ferreira Cadeira Nº 21 
Francisco Adegildo Férrer Cadeira Nº 22 
Antônia Regina Leitão Cadeira Nº 23 
Maria Linda Lemos Bezerra Cadeira Nº 24 
Maria de Fátima Lemos Pereira Cândido Cadeira 
Nº 25 Rejane Nascimento de Sousa Cadeira Nº 26 
Ernani Rocha Machado Cadeira Nº 27 
Abmael Martins Ferreira Cadeira Nº 28 
Cirlene Setúbal dos Reis Cadeira Nº 29 
João Gonçalves de Lemos Cadeira Nº 30 
Maria Argentina Austregésilo de Andrade Cadeira Nº 31 
Gutemberg Liberato de Andrade Cadeira Nº 32 
José Rubens Venceslau da Silva Cadeira Nº 33 
Luiz Gonzaga da Fonseca Mota Cadeira Nº 34 
Regina Maria Holanda Amorim Cadeira Nº 35 
Adaunice Arruda da Silva Cadeira Nº 36 
Pio Barbosa Neto Cadeira Nº 37 
Maria Eliene Magalhães Silva Cadeira Nº 40 

PROGRAMA DE REALIZAÇÕES DA ALJUG BIÊNIO 2016/2018

PROGRAMA MINIMO DE REALIZAÇÕES DA ALJUG – BIÊNIO 2016-2018 


1. Preenchimento de vagas na ALJUG e posse dos eleitos; 2. Aplicação dos estatutos, direcionando a atuação da Entidade para seus objetivos: a valorização da literatura cearense, incluindo estudos sobre o poeta Juvenal Galeno da Costa e Silva, seus familiares e demais escritores contemporâneos; 3. Execução do Projeto Diálogos Literários, idealizado por Maria Linda Lemos Bezerra, enquanto Diretora Cultural da ALJUG no biênio 2013-2015; 4. Reuniões mensais com os acadêmicos, cujas pautas contemplem três momentos: * Leitura da ata da reunião anterior * Informes (notícias de eventos, publicações de livros, convites e/ou outros) * Circuito Literário ou Projeto Diálogos Literários, em meses alternados entre outros. 5. Publicação trimestral do Jornal GALENUS (2016 e 2017) ou revista; 6. Publicação anual da antologia da ALJUG (2ª edição em setembro de 2016 e 3ª edição em setembro de 2017, quando se celebram o aniversário de fundação da ALJUG e outras efemérides da Casa de Juvenal Galeno, sede da Arcádia; 7. Elaboração do regimento interno; 8. Construção do Livro de Dados dos Acadêmicos da ALJUG, constando nome, patrono, número da cadeira, endereço, data de nascimento, telefone e e-mail de cada um deles, adotando-se a comunicação, informação, integração, responsabilidade e transparência como vetores das ações da Arcádia; 9. Criar site oficial da ALJUG, em consonância com os interesses da Entidade. Fortaleza, 20 de janeiro de 2016 A Diretoria Detalhamento do Programa de Realizações Mínima da ALJUG AGENDA DE ATIVIDADES - BIÊNIO 2016-2017 DATAS DAS REUNIÕES ATIVIDADES PREVISTAS DETALHAMENTO Dia 23 de janeiro 2016 Reunião da Diretoria Planejamento Anual Datas comemorativas: 15 - Dia do Compositor 17 – Dia do Estado do Ceará Dia 20 de fevereiro 2016 Posse da Diretoria Encontro da Diretoria com o Presidente e 1º Secretário da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, para Apresentação do “Projeto Academia e o Parlamento” Pio Barbosa Neto Dia 19 de março 2016 Circuito Literário: Projeto Cultural Interestadual Socorro Cavalcanti Datas comemorativas: 8 - Dia internacional da mulher; Páscoa 14 – Dia da poesia 19 – Dia de São José (Feriado) 25 – Abolição dos negros do Ceará Dia 23 de abril 2016 Projeto Diálogos Literários: Apresentação de Projetos pelos acadêmicos: Francisco José Moreira Lopes e Eliane Arruda . Lançamento de Concurso Literário – ALJUG/UBT-Maranguape por Francisco José Moreira Lopes Estrutura da poesia por Eliane Arruda Datas comemorativas: 02 -Dia Internacional do livro Infantil 13 – Aniversário da cidade de Fortaleza do Hino Nacional 19 – Dia do Índio 23 – Dia mundial do livro 28 – Dia da educação e aniversário de Monteiro Lobato Dia 21 de maio 2016 Circuito Literário Datas comemorativas: 13 - Dia das mães; 01 - Dia do trabalho 21 – Dia da língua nacional Dia 18 de junho 2016 Projeto Diálogos Literários Entrega de Textos para a Antologia – Prazo: 30 de junho 2016 Sobre Júlia Galeno por Pio Barbosa Datas comemorativas: 12 – Dia dos namorados 13,24, 29 – Santo Antônio, São João, São Pedro. Dia 23 de julho 2016 Circuito Literário Datas comemorativas: 15 – Dia do homem 25 - Dia do Escritor Dia 20 de agosto 2016 Projeto Diálogos Literários Sobre Capistrano de Abreu por Eliene Magalhães Datas comemorativas: 11 – Dia do Estudante 12 – Dia dos pais 22 – Dia internacional do folclore. Dia 17 de setembro 2016 Festa Aniversário da ALJUG Lançamento Antologia 2016 Data comemorativa: 07 – Dia da Independência Dia 22 de outubro 2016 Circuito Literário Datas comemorativas: Dia dos professores; Dia de Nossa Senhora Aparecida Dia 19 de novembro 2016 Projeto Diálogos Literários Sobre Alberto Galeno por Socorro Cavalcanti Datas comemorativas: 02-Finados 22 – Dia da música e do músico (Proclamação da República; Dia da consciência negra) Dia 17 de dezembro 2016 Circuito Literário sobre o Natal Festa de Natal Circuito Literário (mostra da produção literária do acadêmico aljugueano ou pessoa por ele indicada: poesia, trova, crônica, música, palestra, projetos etc). Projeto Diálogos Literários (apresentação de estudos sobre Juvenal Galeno, seus familiares e outros escritores contemporâneos).

PROJETO DIÁLOGOS LITERÁRIOS 2015



14/01/15

Acadêmico Arilo Cavalcante Jr.


Arilo Cavalcanti Jr, poeta, escritor, roteirista e dramaturgo. Participa de vários eventos em Fortaleza com os seus poemas temáticos. Dentre eles destacam-se: Os 30 anos (Jubileu de Pérola) do CRECI Ceará (Conselho Regional dos Corretores de Imóveis), dos 40 anos da Construtora Mota Machado, dos 30 anos do Skal Internacional de Fortaleza, e do IV Encontro Nacional do Ministério Público em Defesa da Saúde. O seu poema “Desvendando o Brasil", tornou-se um Projeto Cultural nos eventos: Reunião Ordinária Especial do Conselho Nacional dos Procuradores Gerais (CNPG), Solenidade de Posse dos Corregedores Gerais do Conselho Nacional do Ministério Público dos Estados e da União, Posse da Procuradora Geral do Estado do Ceará, Dra Socorro França. O seu Projeto Cultural Desvendando o Brasil foi também realizado com sucesso na Escola Estadual Gilberto Freyre em Recife-Pe, bem como o seu poema "Os Protetores das Matas", que fala sobre os mitos e as lendas do Brasil, também foi transformado em peça teatral. Participou da Antologia do Solar de Poetas de Portugal. Autor do livro: Amor Sem Fim. Recebeu o Título Paul Harris, da Fundação do Rotary Internacional. Laureado com o Prêmio Noite dos Destaques em 01 de Setembro 2011.

13/01/15

A Moda


O que eu desejo, senhoras,
É que se cumpra o rifão:
— Cada terra com seu uso,
Cada roca com seu fuso: —
Eis a minha opinião!

Mas, vestir-se o brasileiro
Como lhe ordena o francês...
Não acho isso direito!
Viver o povo sujeito
Aos figurinos do mês!

É mesmo falta de brio,
É fazer-se manequim;
Dizem que somos macacos...
Pois antes trajarmos sacos,
Do que servir de saguim!

Devemos ter nossa moda,
Tenha a sua o japonês;
Vista o prusso à prussiana,
Ande o russo a russiana,
Ninguém roube a do chinês.

Cada qual conforme o clima
De sua terra natal;
Que se o Norte tem calores,
No sul existem rigores
Da viração glacial.

Mas ornar-se quem tirita
Como quem sopra... é de mais!
Se trajamos nos estios
Como a França nos seus frios,
Não somos racionais!

E que roupagem ridícula
Nos impõe o tal Paris!
Que não levem... rabos tais!
Às damas puseram rabo! —
Pois não é um menoscabo
A esta terra infeliz? —
(...)

Batinas e polonaise,
Hoje, bico — amanhã, não;
Muitas trouxas, muitos regos,
Babados e repolegos,
Arregaços... confusão!

E franjas, fitas e penas!
No meio dessa babel,
A mulher desaparece...
Nem o marido a conhece
Nequele horendo pastel!
(...)

E é tamanha a tirania,
Que aqui não sabe ninguém
Como andará pela rua,
Ou consorte ou filha sua,
Em dias do mês que vem!

Já disse o suficiente...
Às damas peço perdão!
Apenas bato o abuso...
Cada terra com seu uso...
Esta é minha opinião!

(Juvenal Galeno)

Publicado no livro Folhetins de Silvanus (1891).
In: GALENO, Juvenal. Folhetins de Silvanus. A machadada. Apres. Renato Braga. Fortaleza: Ed. Henriqueta Galeno, 196



12/01/15

Cajueiro Pequenino


Cajueiro pequenino,
Carregadinho de flor,
À sombra das tuas folhas
Venho cantar meu amor,
Acompanhado somente
Da brisa pelo rumor,
Cajueiro pequenino,
Carregadinho de flor.

Tu és um sonho querido
De minha vida infantil,
Desde esse dia... me lembro...
Era uma aurora de abril,
Por entre verdes ervinhas
Nasceste todo gentil,
Cajueiro pequenino,
Meu lindo sonho infantil.

Que prazer quando encontrei-te
Nascendo junto ao meu lar!
— Este é meu, este defendo,
Ninguém mo venha arrancar
– Bradei e logo cuidadoso,
Contente fui te alimpar,
Cajueiro pequenino,
Meu companheiro do lar.

Cresceste... se eu te faltasse,
Que de ti seria, irmão?
Afogado nestes matos,
Morto à sede no verão...
Tu que foste sempre enfermo
Aqui neste ingrato chão!
Cajueiro pequenino,
Que de ti seria, irmão?

Cresceste... crescemos ambos...
Nossa amizade também.
Eras tu o meu enlevo,
O meu afeto o teu bem.
Se tu sofrias... eu, triste,
Chorava como... ninguém!
Cajueiro pequenino,
Por mim sofrias também!

Quando em casa me batiam,
Contava-te o meu penar;
Tu calado me escutavas,
Pois não podias falar;
Mas no teu semblante, amigo,
Mostravas grande pesar,
Cajueiro pequenino,
Nas horas do meu penar!

Após as dores... me vias
Brincando ledo e feliz
O-tempo-será e outros
Brinquedos que eu tanto quis.
Depois cismando a teu lado
Em muito verso que fiz,
Cajueiro pequenino,
Me vias brincar feliz!

Mas um dia... me ausentaram. .
Fui obrigado... parti!
Chorando beijei-te as folhas. . .
Quanta saudade senti!
Fui-me longe... muitos anos
Ausente pensei em ti...
Cajueiro pequenino,
Quando obrigado parti!

Agora volto, e te encontro
Carregadinho de flor!
Mas ainda tão pequeno,
Com muito mato ao redor...
Coitadinho, não cresceste
Por falta do meu amor,
Cajueiro pequenino,
Carregadinho de flor.


(Juvenal Galeno)

Do Livro "Nova antologia Brasileira" F. Briquiet & Cia Editores, 1961, RJ.


31/03/14

Acadêmica Eliane Arruda - Presidente da ALJUG


Eliane Maria Arruda Silva, escritora, contista, nasceu em Fortaleza - Ceará. Formada em Letras e Pós Graduada em Lingüística pela UFC. Ainda, com o Curso: Jornalismo - incompleto. Faz parte das seguintes instituições culturais: Ala Feminina da Casa de Juvenal Galeno; Academia Feminina de Letras do Ceará - AFELCE. Idealizadora, fundadora e sua primeira presidente; Academia de Letras dos Municípios do Ceará - sócia emérita; Academia de Letras e Artes do Estado do Ceará - ALACE - fundadora e primeira vice-presidente; Associação Cearense de Imprensa - ACI; Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil - AJEB; Associação Cearense dos Jornalistas do Interior - ACEJI. Detentora da medalha Stella Brasiliense, do Grupo Brasilia de Comunicações; Troféu Destaque 2005, AFELCE, Diploma Honra ao Mérito - 2007.  É Presidente, sócia fundadora e idealizadora da ALJUG – Academia de Letras Juvenal Galeno.

30/03/14

Acadêmico Leudo Santana



Joseleudo Bomfim Santana , nasceu no dia 22 de dezembro de 1971, em Fortaleza-CE, filho de José Santana e Maria Aleida Bomfim Santana. Ingressou no curso de Licenciatura Plena em História da Universidade Estadual do Ceará, colando grau em janeiro de 1995. Em nível de pós-graduação, cursou Especialização em Formação Socioeconômica do Brasil (UNIVERSO-RJ), Ciências da Religião (ITEP/UECE) e Administração Escolar (UVA). Exerce o magistério em Fortaleza-CE desde 1991 e já lecionou no Complexo Educacional 15 de Novembro, na Rede Anglo - Sistema Padrão de Ensino, na Rede Geo, no Colégio Brasil, no Colégio Darwin e em Cursinhos Pré-Vestibulares (Núcleo Vestibulares, Darwin Vestibulares e Pré- Vestibular do Colégio Lourenço Filho). Atualmente é professor no Colégio da Polícia Militar General Edgar Facó (Secretaria de Educação Básica do Estado do Ceará) e na EMEIF Hilberto Silva (Prefeitura Municipal de Fortaleza). É também conferencista e poeta, tendo publicado alguns de seus escritos em várias antologias das Academias de Letras às quais pertence. É autor do livro "De um poeta menor ainda ... " (inédito).

29/03/14

Acadêmico Adegildo Férrer Francisco



Adegildo Férrer Francisco é natural de Cariús - CE. Tem Licenciatura em Letras e Pedagogia pela UFC e bacharelado em Ciências Jurídicas e Sociais pela UNIFOR; mestrado em Educação - UFC; doutorado em História e Filosofia da Educação - USP. Como professor universitário, lecionou várias disciplinas em cursos de gradução e pós-graduação da UFC, UECE e UVA. Membro do Conselho Editorial da Revista Acadêmica; da Revista da Academia de Ciências Sociais da qual é Sócio Efetivo; Editor Adjunto da Revista da Sociedade de Geografia e História do Ceará. É o autor do livro Metodologia da Pesquisa e de vários artigos publicados nos diferentes meios impressos. Teve intensa participação em Congressos e Seminários nacionais e internacionais, inclusive como palestrante e organizador. Tem os títulos de Amigo e de Sócio Honorário do Instituto do Ceará, representa o município Cariús, Cadeira n° 38, na ALMECE.

28/03/14

Acadêmica Linda Lemos


Maria Linda Lemos Bezerra graduou-se e pós-graduou-se em psicologia, na Flórida Atlantic University e Auburn University, nos Estados Unidos. Professora universitária, Psicóloga Clínica, é membro fundador do Movimento de Autistas no Ceará; presidiu a Associação de Pais chegando a ser Diretora Técnica da Associação Brasileira de Autismo – ABRA. Membro fundador do Conselho Estadual de Defesa de Direitos da Pessoa com Deficiência – CEDEF- CE; tem várias publicações na área técnico científica, costumando trazer à tona assuntos relacionados à sua prática clínica, políticas públicas e direitos humanos. É membro de várias entidades literárias: Academia de Letras dos Municípios do Estado do Ceará – ALMECE, Cadeira N° 63, Academia Lavrense-ALL, Varzealegrense-AVL, Cadeira N° 02 e Juvenal Galeno – ALJUG, Cadeira N° 25, Academia Brasileira de Psicólogos Escritores-ABPE, Associação Cearense de Escritores – ACE. Membro de Honra da Divine Académie Française des Arts Lettres et Culture da França.

27/03/14

Acadêmica Fátima Lemos


Maria de Fátima Lemos Pereira Cândido é Formada em História e Pedagogia pela Universidade Estadual do Ceará, com especialização em família: uma abordagem sistêmica. Fundadora e Diretora Pedagógica do Colégio Maria Ester que conta hoje com duas unidades e cerca de três mil alunos. Membro da Academia de Letras do Município do Estado do Ceará – ALMECE, tendo como Patrono o Município de Lavras da Mangabeira; Membro da Academia Lavrense de Letras e da Academia Feminina de Letras – AFELCE. Tem várias publicações na área educacional, em livros, antologias, revistas, coletâneas e jornais. Lançou na IX BIENAL INTERNACIONAL DO LIVRO dois livros da literatura infantil: Veloso, o gato congelado e Lili, a boneca da pano. No dia 20 de agosto de 2010 lançou e Osasco-SP o livro "Histórias para contar e Poemas de meu viver".

26/03/14

Acadêmico Gonzaga Mota


Gonzaga Mota, foi governador do estado do Ceará, Deputado Federal. É formado pela Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade da Universidade Federal do Ceará com Pós-Graduação em Economia pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas. Foi professor de Geometria Analítica e Trigonometria do Curso Pré-Vestibular da Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal do Ceará em 1964, professor do Departamento de Finanças e Economia Aplicada da Faculdade de Ciências Econômicas e Administrativas da Universidade Federal do Ceará de janeiro de 1970 a maio de 1971 e Técnico em Desenvolvimento Econômico do Banco do Nordeste do Brasil S.A (BNB), a partir de junho de 1971. Foi Assessor Especial da Presidência do BNB. Coordenador Geral do Plano de Governo do Estado. Secretário de Planejamento e Coordenação do Estado do Ceará, Diretor Presidente da Empresa PLENA – Consultoria e Estudos Ltda. (1999). Presidente do Núcleo Parlamentar de Estudos Contábeis e Tributários (1977/98) Secretário Executivo da Fundação Ulysses Guimarães (2001/2003) Assessor do Ministro da Integração Nacional (1999/2002). Gerente-Executivo Adjunto da CNI (Assuntos Legislativos) – (04/2007 a 04/2010); Diretor Presidente da PLENA CONSULTORIA E ESTUDOS – A partir de (04/2010) Pertence a várias academias literárias, tendo publicado vários livros.

25/03/14

Acadêmico João Gonçalves de Lemos


João Gonçalves de Lemos: Origem familiar próxima em Cedro e mais distante, no Quixadá. Pertence ao ramo que se instalou em Mangabeira, antigo São José. Formação acadêmica: sociologia e política, administração e direito. No serviço público federal ocupou, entre outros, relevantes cargos no Ministério da Educação e Cultura. Professor universitário, Presidente da Academia Lavrense de Letras, Presidente da Academia de Ciências Sociais do Ceará, Vice Presidente da Academia de Letras dos Municípios do Estado do Ceará – ALMECE, Vice Presidente da Academia Cedrense de Letras, Secretário Geral do Instituto dos Advogados do Ceará - IAC e membro de outras instituições culturais com significativas produções literárias. Homenagens recebidas dos municípios Cedro, Lavras e Jaguaretama, e ainda da Assembléia Legislativa do Estado do Ceará, como reconhecimento às atividades sócio-culturais e educacionais.

06/11/13

Acadêmica Márcia Christina Lio Magalhães, Lança Seu Novo Livro de Poemas na ALJUG.

A Poeta e Escritora MÁRCIA CHRISTINA LIO MAGALHÃES, Acadêmica da ACADEMIA DE LETRAS JUVENAL GALENO, Lançou seu novo Livro de poemas A PELE QUE HABITO na tarde de 28 de Setembro de 2013, na Casa de Cultura Juvenal Galeno. Segue algumas fotos do Evento e um vídeo da Autora declamando o poema MINHAS ÁGUAS.

O discurso de abertura da sessão de Lançamento do Livro foi feito pelo Presidente da ACE Associação Cearense de Escritores, Francisco Tizim. Palavras que deixaram a Autora muito emocionada. Segue abaixo:

"Hoje estamos aqui de coração aberto e alma exultante, para celebrar a poesia que emana em copiosa avalanche d'alma, de nossa querida consórcia, Márcia Magalhães. Exímia Poetisa, advinda das fileiras de beletristas das Minas Gerais, para em versos sonoros, cantar as cantigas que nos enternecem a alma e aquecem o nosso coração de sertanejos cearenses...
Márcia Magalhães seja bem vinda! E que Deus prodigalize cada vez mais a sua encantadora verve! Pelo que sou mais uma vez grato!
Fraternalemnte,
Francisco Tizim em nome de todos."


 





Francisco Tizim fazendo o discurso de abertura.






  




02/10/13

Solenidade de Fundação e Posse dos Acadêmicos da ACADEMIA DE LETRAS JUVENAL GALENO - 28/09/2013

No último sábado 28 de Setembro de 2013, na cidade de Fortaleza CE - Brasil, foi celebrada em noite de festa a Solenidade de Fundação e posse da ALJUG - ACADEMIA DE LETRAS JUVENAL GALENO, na Casa de Cultura Juvenal Galeno. Esta brilhante Entidade que tem como sua Presidente a Escritora Eliane Arruda, celebrou e apresentou à sociedade cearense seus 35 Literatos que tomaram posse junto às respectivas Cadeiras e Cargos.
Segue algumas fotos deste Evento que já entrou para a história cultural desta cidade, marcando a data festiva e emocionante no Calendário.

Foto Oficial dos Acadêmicos

Francisco de Assis Clementino Ferreira - Tizim * Vice Presidente

Eliane Maria Arruda * Presidente

Dr. Antonio Galeno Junior * Presidente de Honra, entregando o Diploma à Presidente Eliane Arruda







Acadêmicos fazendo o Juramento